terça-feira, 22 de outubro de 2013

Receita caseira para tratar assadura

O Joaquim nunca foi de ter assadura. Conheci a pomada de calêndula da Weleda com a minha cunhada e coloquei no enxoval. A pediatra A (não vou citar nomes, rs...) recomendou pra não usar em toda troca de fralda, pra não deixar a pele "mal acostumada" (?), então a gente só usava quando via algum vermelhinho suspeito e realmente não tivemos maiores problemas.

Outros fatores ajudaram a não ter assaduras: amamentação exclusiva até 6 meses; ausência de dentes (parece que quando os dentes começam a nascer muda a acidez de xixi e cocô); fraldas de pano desde os dois meses (dizem que o gel das fraldas descartáveis "chupa" a umidade natural da pele).

Até que surgiu uma assadura mais resistente, que não foi embora só com a pomada de calêndula. A pediatra B examinou, disse que era fúngica e recomendou a pomada Dermodex Tratamento. Usamos, deu uma melhorada, mas logo voltou e ainda apareceu em dois outros lugares.

Nesse meio tempo fomos no pediatra C (sim, sou meio maluca) e ele falou que não estava mais com cara de fungo e que provavelmente a Dermodex tinha resolvido essa parte, mas acabou desencadeando uma reação alérgica - coisa típica do "remédio do homem branco". Perguntei se seria o caso de ferver as fraldas de pano, mas ele disse que não, pois estava com cara de alergia mesmo. Disse ainda que era uma assadura típica de quando o bebê começa a sentar, pois tem mais atrito nessa região.

A recomendação foi trocar o sabão de lavar as fraldas (usava o Ola pra roupas delicadas, mas ele disse que esse sabão tem dado alergia e que o melhor seria usar aquelas bolas de lavar roupa - Eco bola, pra quem não conhece. Ainda não comprei e enquanto isso estou usando o sabão de coco Urca líquido). Recomendou também deixá-lo sem fralda sempre que possível.

Fiz isso, mas não adiantou muito (pelo menos não piorou). Aí lembramos de uma receitinha que uns amigos passaram. Eles tiveram bastante problema de assadura com o filhote, tentaram várias coisas e a única que resolveu foi Maizena. Dito e feito!

A receita deles foi misturar Maizena com um pouquinho de óleo de amêndoa. Fica uma pomadinha bem gostosa e é impressionante como resolve rápido! Em dois dias já tinha quase sumido e em quatro dias tem só um pequeno vestígio!

Vale lembrar que é bom ler o rótulo do óleo de amêndoa pra ver se não tem perfume ou outra porcaria. O que temos é daqueles baratinhos que tem em qualquer farmácia. Não sei se funciona com outro óleo, mas acho que o de calêndula deve ser bom também (o da Weleda é ótimo a caríssimo...).


3 comentários:

  1. Pois você guarde a maizena e se ele tiver brotoejas, dilua um pouco e coloque na banheira... é bem bom também. Beijos. Dani.

    ResponderExcluir
  2. Cara para assaduras acredite, mas o bom é urina, o quanto mais rápido saída da fonte melhor huahauhhuahuua. Também para aliviar pode fazer uma pasta de farinha de trigo com um pouco de água e pode passar, voce vai sentir a pele absorvendo os nutrientes e aliviando a sensação de queimadura, então retire e passe outra aplicação até sentir a pele absorver bem. Estou fazendo isso nesse momento porque estou com assaduras no meio da perna de um lado. Esse eu vi em um jornal local sobre queimaduras provocadas por água viva, receitaram urina e uma pasta de de farinha com água.

    Também tem o talco.

    ResponderExcluir
  3. Realmente a maisena e mt bom meu bb tem um ano e três meses e nunca teve assaduras. Uma boa dica tb e sempre q o bb fizer coco lavar com agua ao invés de usar lenços humidecidos pq ajudam a deixar a pele mais sensível causando assaduras. Tb nunca usei fralda de pano somente as descartáveis ( monica) pois acho mais pratico rsrsrs simplesmente procuro ficar esperta p a fralda não encher mt de xixi to sempre trocando..

    ResponderExcluir